PEDIDO DE ORAÇÃO

PEDIDO DE ORAÇÃO
VAMOS REZAR JUNTOS - CLIK NA FOTO E DEIXE O SEU PEDIDO - Todos os pedidos são anotados em um livro e levados a presença do Senhor em Adoração e em seguida a Santa Missa, confie no amor de Deus. Se entregue a proteção da Sagrada Família.

LITURGIA DO TEMPO DO ADVENTO

COMO PREPARAR UM VERDADEIRO NATAL

COMO PREPARAR UM VERDADEIRO NATAL
De 17 a 24 - Uma mudança por dia

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Limpar o coração para acolher o Salvador - Natal

O “Tempo do Advento” é um momento muito especial na vida de cada cristão, onde nós somos chamados a parar e refletir: “Qual a importância que dou a Cristo na minha vida?”. Não devemos levar o tom “Roxo” do Advento como penitência e mortificação, mas sim como um tempo para recolhimento, reflexão e purificação; onde a luz da Palavra de Deus possamos nos preparar, não só para a grande festa do Natal como mais um evento, mas principalmente para acolher o Salvador de forma digna em nosso coração. 

Evangelho do dia 17/12/2014 Quarta-feira Ano Litúrgico “B”

Evangelho do dia 17/12/2014 Quarta-feira
3ª Semana do Advento - 3ª Semana do Saltério

LEITURAS:

Primeira Leitura: Livro do Gênesis 49,2.8-10
Naqueles dias, Jacó chamou seus filhos e disse: “Juntai-vos e ouvi, filhos de Jacó, ouvi Israel, vosso pai! Judá, teus irmãos te louvarão; pesará tua mão sobre a nuca de teus inimigos, se prostrarão diante de ti os filhos de teu pai. Judá, filhote de leão: subiste, meu filho, da pilhagem; ele se agacha e se deita como um leão, e como uma leoa; quem o despertará? O cetro não será tirado de Judá, nem o bastão de comando dentre seus pés, até que venha Aquele a quem pertencem, e a quem obedecerão os povos”. - Palavra do Senhor. 

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

A salvação é um coração humilde que confia em Deus - Papa Francisco

A salvação é um coração humilde que confia em Deus – esta a principal mensagem do Papa Francisco na missa de terça-feira dia 16 de dezembro na Capela da Casa de Santa Marta. A humildade salva o homem aos olhos de Deus, a soberba perde-o. A chave está no coração. As leituras do Profeta Sofonias e do Evangelho de S. Mateus sugeriram ao Papa a sua meditação.

Na primeira leitura do Profeta Sofonias encontramos uma cidade rebelde, aonde existe um grupo que se arrepende dos seus pecados: este, destacou o Papa, é o ‘povo de Deus’ que tem três características: a ‘humildade, pobreza e confiança no Senhor’. Mas na cidade há também aqueles que ‘não aceitaram a correção, não confiaram no Senhor’. Estes serão condenados: 

A inconstância na vida de oração pessoal – RCC Brasil

Orar é talvez uma das práticas bíblicas mais simples que Deus nos deu. Não há grandes segredos para se ter uma boa vida de oração. No entanto, nem sempre o mais simples é o mais fácil. Temos visto em nossa sociedade um distanciamento cada vez maior das pessoas com a prática da oração pessoal, o que faz com que as pessoas também experimentem um distanciamento cada vez maior de Deus.

Para que possamos ter uma vida de maior comunhão com Deus através da oração, vamos procurar elencar alguns dos maiores inimigos da vida de oração e buscar soluções para superá-los. 

A Igreja é “uma” e “santa” - Catequeses sobre a Igreja

Cada vez que renovamos a nossa profissão de fé, recitando o «Credo», afirmamos que a Igreja é «una» e «santa». É una, porque tem a sua origem em Deus Trindade, mistério de unidade e de comunhão completas. Além disso, a Igreja é santa, porque está fundada em Jesus Cristo, animada pelo seu Espírito Santo, cheia do seu amor e da sua salvação. Mas ao mesmo tempo, é santa e composta de pecadores, todos nós, pecadores, que fazemos a experiência diária das nossas fragilidades e misérias. Então, esta fé que professamos impele-nos à conversão, a ter a coragem de viver quotidianamente a unidade e a santidade, e se não vivemos unidos, se não somos santos, é porque não somos fiéis a Jesus. Mas Ele, Jesus, não nos deixa sós, não abandona a sua Igreja! Ele caminha ao nosso lado, Ele compreende-nos. Entende as nossas debilidades e os nossos pecados, e perdoa-nos todas as vezes que nos deixamos perdoar. Está sempre ao nosso lado, ajudando-nos a ser menos pecadores e mais santos, mais unidos. 

Evangelho do dia 16/12/2014 Terça-feira - Ano Litúrgico “B”

Evangelho do dia 16/12/2014 Terça-feira
3ª Semana do Advento - 3ª Semana do Saltério

LEITURAS:

Primeira Leitura: Profecia de Sofonias 3,1-2.9-13
Assim fala o Senhor: “Ai de ti, rebelde e desonrada, cidade desumana. Ela não prestou ouvidos ao apelo, não aceitou a correção; não teve confiança no Senhor, nem se aproximou de seu Deus. Darei aos povos, nesse tempo, lábios purificados, para que todos invoquem o nome do Senhor e lhe prestem culto em união de esforços. Desde além-rios da Etiópia, os que me adoram, os dispersos do meu povo, me trarão suas oferendas.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014

Coroa do Advento - Pe. Dr. Brendan Coleman

Na Igreja Católica o período de quatro semanas preparatórias para o Natal é chamado Advento. O termo é cristão, mas de origem profana, pois significa visita oficial de uma personagem importante no tempo da sua posse. Nos escritos cristãos dos primeiros séculos torna-se termo clássico para designar a vinda de Cristo. A história do Advento, no rito romano, começa no século Vl, no sentido de espera jubilosa do Natal, e a sua pré-história remonta às Gálias e à Espanha dos fins do século lV, como preparação ascética para Natal-Epifania. A liturgia romana dá grande valor à Mãe de Cristo, sobretudo nas Quatro Têmporas e na vigília do Natal. O tempo do Advento tem dupla índole: (a) é o tempo de preparação para as solenidades do Natal, em que se comemora a primeira vinda do Filho de Deus; e (b) é o tempo em que, por esta comemoração, as mentes se voltam para a expectação da segunda vinda de Cristo no fim dos tempos. Por essas razões, o tempo de advento se apresenta como o tempo de devota e alegre expectativa. O advento, portanto, já não se considera como tempo penitencial (cf. Dicionário Enciclopédico das Religiões, Vol.1, p.74) 

Demônio x Matrimônio

Você sabia que o DEMÔNIO não suporta que os esposos se amem?

“Não suporto que se amem!”, foi a resposta imediata e clara que o demônio deu ao exorcista italiano Pe. Sante Babolin durante um dos “combates”, quando o sacerdote lhe questionou por que estava causando problemas à esposa de um amigo.

“Por que este ódio?” Em declarações ao Semanário da Fé, o sacerdote explicou que Satanás detesta o Matrimônio porque é o sacramento mais próximo à Eucaristia. 

O Natal e a Missa do Galo - Símbolos do Natal

Natal nascimento de Cristo, o Amor que se encarnou para trazer a luz da Salvação ao mundo que vivia nas travas. Nos primórdios da Igreja o nascimento de Cristo era comemorado em várias datas dependendo da tradição do lugar, na Europa o Natal era celebrado entre 25 de março e 20 de abril, no Egito e na Grécia em 6 de janeiro. No século IV o Papa Júlio I unificou a data oficializando o dia 25 de dezembro como data para a celebração.

Diz a Instrução Geral do Missal Romano: “A Igreja nada considera mais venerável, após a celebração anual do mistério da Páscoa, do que comemorar o Natal do Senhor...” (Cap.II nº32 pag.171). 

Evangelho do dia 15/12/2014 Segunda-feira Ano Litúrgico “B”

Evangelho do dia 15/12/2014 Segunda-feira
3ª Semana do Advento - 3ª Semana do Saltério

LEITURAS:

Primeira Leitura: Livro dos Números 24,2-7.15-17a
Naqueles dias, Balaão levantou os olhos e viu Israel acampado por tribos. O espírito de Deus veio sobre ele, e Balaão pronunciou seu poema: 

Amor de Deus - Ricardo Feitosa

PAPA FRANCISCO

PAPA FRANCISCO

Pesquisar este blog

Carregando...

Translate